Fundação Manuel Leão edita a obra “Mérito e Justiça”

No passado dia 21 de fevereiro, foi apresentado o livro “Mérito e Justiça”, na Universidade Católica Portuguesa, no decorrer do 8 º Ciclo de Seminários de Aprofundamento em Administração, Supervisão e Organização Escolar. A organização desta obra é de Joaquim Machado Araújo e José Matias Alves, a apresentação do livro foi feita por João Formosinho.

Esta obra conduz o leitor à especificidade do campo de estudo da Educação. Ele constitui-se, no plano epistemológico, como uma zona de ressignificação de alguns conceitos ligados à investigação e seus paradigmas. Não se aplica com facilidade, em educação, uma dialética de investigação pura versus aplicada, e a complexidade dos fenómenos tem encorajado a predominância de estudos qualitativos, nomeadamente o estudo de caso, com vantagens e limitações que importa desconstruir. Por outro lado, a proximidade da produção de conhecimento relativamente ao seu uso, torna pertinentes estudos inspirados no paradigma de investigação-ação, que é por vezes confundida com a pura intervenção.


Sobre os organizadores

Joaquim Machado de Araújo é licenciado em Filosofia pela Universidade do Porto e doutorado em Educação pela Universidade do Minho. Atualmente é professor convidado da Universidade Católica Portuguesa. Tem publicações nas áreas da utopia, das políticas educativas, da formação de professores, da pedagogia e da organização e administração escolar.

José Matias Alves é professor Associado da Universidade Católica Portuguesa. Coordenador do Doutoramento em Ciências da Educação na Faculdade de Educação e Psicologia-UCP. Autor de dezenas de livros e artigos no campo da administração e organização escolar.

 


saber +